A melhor imagem já captada de um Exoplaneta - Aventuras no Conhecimento

Últimas

domingo, 20 de setembro de 2015

A melhor imagem já captada de um Exoplaneta

Imagens captadas do Beta Pictoris b

Observar um planeta em órbita de outro sol não é fácil, por maior que ele seja, a luminosidade da estrela é sempre tão forte que a imagem do planeta fica literalmente escondida pela luz.

Por isso, os astrônomos "caçadores de planetas" detectam a presença destes astros através de processos indiretos, como pequenas variações na luminosidade observada (no fundo, medem a pequena sombra do planeta quando este passa à frente do seu sol) ou as mínimas oscilações na posição da estrela relativamente ao fundo cósmico, provocada pela ação gravitacional do planeta em órbita.

São assim muito raras as observações diretas de um planeta fora do nosso sistema solar. Mas uma equipe de astrônomos da Universidade de Toronto conseguiu pela primeira vez realizar este feito com uma definição razoável.

A 60 anos-luz de distância da Terra - ou seja, tão longe que a luz, a atravessar o espaço a 300 mil quilômetros por segundo, demora 60 anos a chegar até nós - o Beta Pictoris b é um gigante de gás, com 10 a 12 vezes a massa de Júpiter, o gigante do Sistema Solar.
A sua luminosidade, no entanto, é um milhão de vezes inferior à da sua estrela, o que complica (e muito) a captura das fotos.