Google+

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Descoberto fóssil de borboleta primitiva de 150 milhões de anos


Se você viajasse de volta no tempo 150 milhões de anos, você poderia encontrar insetos parecidos com borboletas, mas que apesar da semelhança não seriam borboletas.

Trata-se de um grupo extinto de insetos da família Chrysopidae chamados kalligrammatids, que polinizavam, a muito tempo atrás, pinheiros e cycas, de acordo com um estudo publicado online esta semana no Proceedings da Royal Society B.
Os pesquisadores analisaram 20 fósseis de kalligrammatid (imagem a direita) e encontraram semelhanças notáveis ​​com as borboletas (imagem da borboleta-coruja à esquerda).: a maioria dos fósseis apresentam "pontos oculares" em suas asas e as técnicas microscópicas revelaram trombas tubulares e escalas das asas.

Alguns dos insetos tinham pólen em seus rostos mas kalligrammatids e as borboletas são apenas parecidas, uma vez que eles evoluíram seus estilos de vida e sucção do néctar de formas independentes.
Além disso, kalligrammatids não poderia se alimentar das flores, porque as poucas flores que existiam na época tinham formas incompatíveis. Segundo os pesquisadores, os insetos antigos provavelmente polinizavam plantas sem flores que dominaram a paisagem nos períodos Jurássico e início do Cretáceo.

Quando as plantas com flores apareceram cerca de 100 milhões de anos atrás, ambos - os kalligrammatids e as plantas que os alimentavam - foram extintos. Borboletas e flores de forma tubular compatível surgiram cerca de 50 milhões de anos depois, mostrando como os novos seres podem evoluir para ocupar o lugar de seus ancestrais.

por Prof. Carla Reis
Bióloga e adm. do site
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...