Google+

sábado, 28 de maio de 2016

Descoberta formiga-unicórnio de 99 milhões de anos


Uma nova espécie de formiga de 99 milhões de anos foi descoberta num âmbar em Myanmar, por mais que não tenha a magia de um unicórnio, ela possuía um chifre no topo de sua cabeça que até poderia ser chamada de "formiga-unicórnio". A saliência é única entre as formigas, relataram os pesquisadores nesta semana na revista Current Biology. 

A parte inferior do corno é coberto de pelos minúsculos, indicando que é a ferramenta de um predador: As mandíbulas de algumas outras espécies de formigas têm pelos que funcionam como um "gatilho" que, quando tocado, fazem com que sua mandíbula feche rapidamente em torno de sua presa. 


Mas a "formiga-unicórnio" estavam bastante à frente na evolução comparada a estas outras formigas , que só evoluíram esta fisionomia tática depois de milhões de anos. Além disso, o tamanho incomum de seu chifre e seus pares mandíbulas pontudas indicam que teve uma dieta mais limitada.

Só poderiam capturar grandes presas, porque alvos menores teriam facilmente escapado de sua mandíbula gigante. Formigas estavam apenas começando a se diversificar em diferentes grupos no período Cretáceo e a maioria delas tinham os formatos comuns das formigas que conhecemos, portanto, a "formiga-unicórnio", é uma indicação de que algumas formigas já foram altamente especializadas no início da história evolutiva do grupo.

por Adriano Reis
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...