Google+

quarta-feira, 13 de abril de 2016

Exoplanetas têm atmosfera arrancada por suas estrelas


Astrofísicos da Universidade de Birmingham usaram dados do telescópio espacial da NASA Kepler para descobrir uma classe de exoplanetas cujas atmosferas foram arrancadas pelas suas estrelas hospedeiras. A pesquisa foi divulgada na publicação científica Nature Communications.

Os pesquisadores usaram informações do telescópio Kepler, da Nasa, que foi lançado para identificar e estudar exoplanetas - que orbitam estrelas de fora do Sistema Solar.
Eles focaram em uma categoria de planetas chamada "Super Terras", que são cerca de 2 a 10 vezes mais maciças que nosso planeta.


Co-autor do estudo, Guy Davies, da Universidade de Birmingham, disse: "Para esses planetas, é como ficar ao lado de um secador ligado no vento quente."
"Havia muita especulação teórica de que esses planetas poderiam ter suas atmosferas sugadas. Agora, nós temos uma evidência observacional para confirmar isso, que acaba com qualquer dúvida sobre essa teoria", afirmou.

Os astrônomos usaram a técnica chamada sismologia, que investiga a estrutura interna das estrelas, para confirmar a ideia.
Caracterizando a "estrela hospedeira", a equipe conseguiu determinar também o tamanho exato dos exoplanetas em volta dela.

Os resultados do estudo têm importantes implicações para entender como sistemas estrelares, como nosso próprio Sistema Solar, e seus planetas evoluíram ao longo do tempo – incluindo o papel desempenhado pela "estrela hospedeira".
"Eles mostram que planetas de um certo tamanho que ficam perto de suas estrelas têm uma probabilidade grande de terem sido muito maiores quando surgiram. Esses planetas têm aspectos bem diferentes", finalizou Davies.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...