6 vídeos com fenômenos científicos incríveis - Aventuras no Conhecimento

Últimas


NOTÍCIAS

terça-feira, 22 de setembro de 2015

6 vídeos com fenômenos científicos incríveis

Bola de ping pong + nitrogênio líquido:

Se você mergulhar uma bolinha de ping pong estrategicamente perfurada no nitrogênio líquido e depois tirá-la, logo vai ver a bolinha girar rapidamente. Isso, porque o nitrogênio vai sair pelo lugar onde o furo está feito numa velocidade tão alta que fará a bola rodar loucamente. Mas o que aconteceria se você colocasse 1500 bolinhas no nitrogênio líquido? Esse cara aqui experimentou. Olha só:


Coca Light + Mentos

Colocar Mentos na Coca-Cola Light virou febre um tempo atrás. O experimento se resume em introduzir a bala dentro da garrafa. Caso você ainda não tenha visto, é isso que vai acontecer:


Acontece que, mais densa que o refri, a bala vai direto para o fundo da garrafa quando jogada lá dentro. Além disso, o Mentos tem ácido cítrico - o mesmo do limão -, que tende a aumentar a formação de gás carbônico.

Bolhas de fumaça

As bolhas de fumaça são quase simples de fazer. Basta colocar gelo seco em um recipiente furado e com uma espécie de canudo tampando esse buraco, acrescentar água e fechar. Depois disso, é só colocar o canudo esfumaçado no sabão.

Olha a experiência completa:


Agora só falta você arrumar gelo seco. (É brincadeira, melhor não tentar isso em casa, ou você pode se machucar.)

Ondas Senoidais

A onda senoidal é a forma de onda musical mais simples. Ela tem capacidade de fazer outros objetos corresponderem a sua frequência.  Neste vídeo, o som de um alto-falante e uma mangueira são unidos e a água toma forma:


Ovo na Garrafa

Esse é bem provável que você já tenha visto. Um ovo cozido entrando "sozinho" dentro de uma garrafa:


Isso ocorre porque as moléculas de ar aquecidas pelo fogo no interior da garrafa se expandem e o ar de fora empurra o ovo.

Imã de neodímio em tubo de cobre

Se você jogar um imã dentro de um cubo de cobre ele vai perder velocidade (porque o cobre interfere no campo magnético do ímã) e atravessar o tubo em câmera lenta. Veja só:


Fonte: Super