Google+

terça-feira, 24 de março de 2015

Salamandra gigante era um dos maiores predadores da Terra


Antes dos dinossauros, um dos maiores predadores da Terra era uma tipo de salamandra, um anfíbio que vivia em áreas tropicais do supercontinente Pangea. 

Fósseis descobertos de 30 a 40 centímetros de espessura no sul de Portugal sugerem que a criatura tinha mais de 2 metros de comprimento, pesava até 100 kg, e possuía uma ampla cabeça chata do tamanho e forma de um assento de vaso sanitário.

As espécies recém-descritas, que viveram entre 220 milhões e 230 milhões de anos atrás, foi um dos maiores em um grupo de anfíbios conhecidos como metopossauros e é o primeiro conhecido na região a partir de fósseis bem preservados, os pesquisadores apresentaram um relatório no Journal of Vertebrate Paleontology.

A espécie foi apelidada de Metoposaurus algarvensis para homenagear a região do Algarve, em Portugal, onde os fósseis foram desenterrados. (Mesmo que o nome do gênero contenha a palavra grega Saur, que se traduz como "lagarto", essas criaturas e seus parentes eram anfíbios.)

A área de 4 metros quadrados do leito já escavado rendeu 10 crânios e centenas de outros fósseis, o que sugere que as criaturas se concentraram em uma área e, em seguida, morreram quando o lago que habitavam secou, ​​dizem os pesquisadores. Os animais tinham membros curtos, insuficientes para suportar o seu peso, provavelmente permaneciam na água a maior parte do tempo, alimentando-se de peixes e também de pequenos ancestrais dos dinossauros e mamíferos que vagavam perto da orla.

Fonte: Sciencemag
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...