Google+

quinta-feira, 22 de maio de 2014

Indivíduos com doença rara não envelhecem e podem ser a chave para um grande passo da ciência


Uma doença extremamente rara e desconhecida, identificada apenas em meninas no momento, pode ajudar a revelar as causas genéticas que provocam o nosso processo de envelhecimento e, quem sabe, frear este processo. Gabrielle Williams e Brooke Greenberg são meninas que parecem não envelhecer em um ritmo normal. Aos nove anos, Williams pesa apenas 5,4 quilos e requer cuidados de uma criança muito pequena. Já Greenberg, de 16 anos, tinha apenas 30 centímetros de altura e pesava 7,2 quilos. Ela ainda possuía dentes de leite e não conseguia falar. Morreu no ano passado, aos 20 anos.
O caso das duas meninas foi estudado pelo biólogo Richard Walker, de 74 anos, que acredita que a chave para acabar com o envelhecimento pode estar em uma doença que nem sequer tem um nome real e é chamada de “síndrome x". Ele identificou quatro meninas com essa condição, em que a pessoa parece estar presa a um permanente estado de infância, ou seja, ocorre uma parada dramática no desenvolvimento. Ele suspeita que a doença é causada por uma falha no DNA das meninas.

De acordo com Walker, desde o nascimento até a puberdade, a mudança no nosso corpo é crucial: nós crescemos e amadurecemos. Depois disso, nossos corpos adultos não precisam mudar, mas ficar em “manutenção”. “Se você construiu a casa perfeita, chega uma hora em que você não vai querer mudar mais nada", diz Walker. "Quando você construiu um corpo perfeito, você vai querer parar de brincar com ele. Mas não é assim que a evolução funciona."
O que Walker está buscando no estudo dos casos das meninas é justamente esse fator que “interrompe” o processo de desenvolvimento dos nossos genes. “No início, adicionar coisas à casa pronta pode não trazer muitos problemas. Há também um telhado frouxo ali, uma janela quebrada lá. Mas, eventualmente, a fundação pode não sustentar o que está acontecendo e a casa desaba. Isto, é o envelhecimento”, aponta Walker.
De acordo com estudos, o envelhecimento faz parte do nosso desenvolvimento e estaria na nossa “programação” de vida. Alguns aceitam este fato como algo imutável da vida e contra o qual nada podemos fazer. Contudo, para Walker, é possível encontrar a chave que “congela” o processo de envelhecimento, mas, ele mesmo admite, será preciso muito tempo para chegar a algum resultado conclusivo.

Fonte: History
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...